regina

 

“Roberto ha perso la vita ed io ho perso, per sempre, la mia serenità.”1

É o que declara Rino Polato, o italiano que viajava com Roberto Bardella e foi morto no dia 8 de dezembro, ao entrar, por engano, em uma comunidade da “cidade maravilhosa”. Rino diz ainda, que os dias que se seguiram foram um pouco menos tristes, graças ao afeto dos brasileiros e dos italianos que moram no Brasil.

“…ciò che è successo non può essere preso come colpa di un popolo o di un Paese…”2

Rino, nós o vimos em algumas imagens no noticiário nacional, era só dor, pranto e desolação. Não conseguia parar de chorar durante seus depoimentos. Em mensagem, poucos dias depois, diz que no Brasil foram acolhidos “sempre” de maneira fraterna e amigável e nos agradece pelo carinho demonstrado!

Entre a vergonha pelo ocorrido e a admiração pela sua maneira de reagir a tão triste e trágico acontecimento, traduzo ainda, as últimas palavras de Polato, em carta ao Consulado Geral do Rio de Janeiro:

“Obrigada a todos e esperemos que a morte de Roberto sirva, principalmente, para que os jovens brasileiros entendam que a violência e o ódio não servem para nada. Viajar e conhecer, com olhos sempre curiosos, outras culturas: essa, conclui, é a mensagem a ser divulgada, para que se criem laços de amizade, e não de violência, entre os diferentes povos do mundo.”

A Viagem de Roberto, que termina no homicídio em nossa cidade, recomeça com a iniciativa do amigo Rino e da família do próprio Roberto, de recolher, em campanha, “Il Viaggio di Roberto”, doações para promover a educação de crianças das comunidades do Rio de Janeiro.

Incrível! Aprendemos muito com o senhor e com a sua infinita serenidade, senhor Rino. Muito obrigada, família Bardella.

1 “Roberto perdeu a vida e eu perdi, para sempre, a minha serenidade.”

2 “… o que aconteceu não pode ser entendido como culpa de um povo ou de um país…”

Família de italiano morto no Rio arrecada dinheiro para crianças de favela onde aconteceu o crime

Ler mais em italiano:

http://www.aise.it/comunit%C3%A0/connazionale-ucciso-a-rio-lamico-e-la-famiglia-di-roberto-bardella-ringraziano-gli-italiani-in-brasile/77418/1

14/12/2016 – 15.11

Consulta: 28/12/2016 – 00.07

http://www.veneziatoday.it/cronaca/viaggio-roberto-progetto-solidarieta-favelas.html

Il viaggio di Roberto
14 dicembre 2016 09:33

Consulta:28/12/2016